Sociedade civil

Este fórum reunirá as partes interessadas africanas e da Sociedade Civil dos EUA, os membros do Programa de Empreendedorismo das Mulheres Africanas (AWEP) e os membros da rede da Iniciativa de Líderes Africanos Jovens (YALI) dos países elegíveis do AGOA. Haverá sessões plenárias, breakout e B2B, além de uma recepção final. O registro é grátis.

Inscreva-se

Data e Local:

Domingo, 4 de agosto, CGECI

Condições de participação:

Participantes do serviço civil incluem representantes da sociedade civil dos EUA e da África, AWEP e YALI.

“AGOA e o futuro: desenvolvendo um novo paradigma comercial para orientar o comércio e o investimento EUA-África”

DOMINGO, 4 DE AGOSTO DE 2019*
08:00 - 17:00: Fórum da Sociedade Civil AGOA / Fórum AWEP / YALI para Participantes Registrados
09:00 - 10:00: Cerimônia de abertura
10:00 – 10:45: Quebra de Refresco e Networking
10:45 – 12:15: 3 Sessões / Workshops simultâneos e Sessões de Rede B2B Programadas
12:15 - 13:45: Almoço Keynote
13h45 - 15h15: 3 Sessões paralelas de reuniões / workshops e sessões de rede B2B programadas
15h15 às 16h00: Quebra de Refresco e Networking
16:00 - 17:00: Cerimônia de Encerramento, Leitura de Fechamento e Revisão de Recomendações
18:00 - 21:00: Recepção de Jantar e Networking

*Projeto Notarial, Oradores a Serem Anunciados
***O registro é gratuito e não transferível ou intercambiável

OFERTA DO HOTEL OFERECIDA POR AGOA Baixar

Para ter acesso aos cidadãos da Costa do Marfim, os estrangeiros devem possuir um passaporte nacional válido, "Laissez-passer" ou documento de viagem com, pelo menos, uma fotografia do titular; em que um visto de entrada biométrica foi previamente emitido.

Os formulários de solicitação de visto estão disponíveis gratuitamente nas Embaixadas da Costa do Marfim em seu país de residência, ou conectados em www.snedai.ci

  • Método de pagamento

Conectados: Custo total: 73 euros (excluindo despesas bancárias)
Em dinheiro: Pagamento via Western Union nos pontos de venda (esta opção só está disponível em alguns países. Confira no site www.snedai.ci)

NB: Esses métodos de pagamento exigem um limite de tempo maior para garantir o certificado

Outros métodos de pagamento:

Transferências internacionais (SWIFT)

Ordem de pagamento internacional

Como obter o visto biométrico no Aeroporto Internacional Félix Houphouët-Boigny em Abidjan:

Procedimento:
-Etapa 1: pré-inscrição (www.snedai.ci)
-Etapa 2: pagamento (Euro 73€)
-Etapa 3: Recebimento do documento de prisâo on-line
-Etapa 4: Inscrição no aeroporto

Todos os pagamentos para um pedido de visto devem ser feitos em euros.

Visa e Mastercard aceitos.

Informação útil:
O visto biométrico para entrar na Costa do Marfim é:

Um visto normal afixado no passaporte normal ou um visto oficial afixado no passaporte diplomático, de serviço ou oficial.

No entanto, seja regular ou oficial, o visto de entrada biométrica dependerá da duração da estadia:

- o visto de trânsito não poderá exceder três (03) dias;
- o visto de curta duração não poderá exceder três (03) meses;
- o visto de longa duração não deve exceder um (01) ano.

Os cidadãos dos países listados abaixo que possuem passaportes regulares ou oficiais não estão sujeitos à exigência de visto.

Países da CEDEAO: Benin, Burkina Faso, Cabo Verde, Gâmbia, Gana, Guiné-Bissau, Libéria, Mali, Níger, Nigéria, Senegal, Serra Leoa, Togo.

Outros países:República Centro-Africana, República do Congo (Brazzaville), Chade, Mauritânia, Marrocos, Seychelles, Cingapura, Tunísia, Filipinas, Ilhas Seychelles

Nacionais dos países listados abaixo que possuem passaportes diplomáticos, de serviço ou oficiais não precisam de visto:
Áustria, Brasil, Gabão, Israel, Irã, África do Sul e Uganda.

Os cidadãos dos países listados abaixo, titulares de passaportes regulares ou oficiais, devem possuir um visto emitido pelos representantes diplomáticos e consulares da Costa do Marfim no exterior, sem consulta prévia ao Ministro responsável pela segurança.

Argélia, Andorra, Áustria (passaporte normal), Argentina, Armênia, Austrália, Azerbaijão, Bahamas, Bahrein, Barbados, Bielorrússia, Bélgica, Belize, Bermudas, Butão, Bósnia, Botsuana, Brasil (passaporte normal), Brunei, Bulgária, Burundi, Caymans (Ilhas), Camarões, Canadá, Chipre, Comores (Ilhas), Costa Rica, Macau, Madagáscar, Arábia Saudita, África do Sul (passaporte normal), Malásia, Malawi, Maldivas, Malta, Maurício (Ilhas), México, Doença, Mônaco, Moçambique, Mongólia Exterior, Namíbia, Nauru, Nepal, Nova Zelândia, Noruega, Omã, Uganda (passaporte regular), Uzbequistão, Panamá, Papua, Paraguai, Holanda, Peru, Polônia, Porto Rico, Portugal, Croácia, Dinamarca, Djibuti, República Dominicana República Dominicana, Equador, Espanha, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos da América, Estônia, Etiópia, Eritréia, Fiji, Finlândia, França, Gabão (passaporte regular), Geórgia, Grécia, Granada, Guatemala, Guiana, Haiti, Honduras, Hungria, Índia, Irlanda, Itália, Israel (passaporte regular), Jamaica, Japão, Cazaquistão, Kosovo, Kuwait, Luxemburgo, Lesoto, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Macedônia, Montenegro, Iugoslávia, República Tcheca, República do Congo (RDC), Zâmbia, Zimbábue, Catar, Romênia, União de Grande Bretanha, Russie (Federação), Holy Kits e Nevis, Santa Lúcia, Saint Martin, São Vicente, Ilhas Salomão, El Salvador, São Tomé e Príncipe, Sérvia, Eslováquia, Eslovênia, Somália, Suécia, Suíça, Suriname, Suazilândia, Tadjiquistão, Taiwan, Tanzânia, Tonga, Trinidad e Tobago, Turquemenistão, Turquia, Tuvalu, Ucrânia, Uruguai, Vanuatu, Vaticano, Venezuela.

A vacina contra a febre amarela é necessária para viajar para e dentro do país.
Uma verificação do registro de vacinação é realizada no momento da chegada na Costa do Marfim. Consulte seu comparecimento médico para qualquer outra informação de saúde relacionada à sua viagem.
Recomenda-se vivamente a contratação de um seguro de saúde que cubra os cuidados no estrangeiro, bem como o seguro de repatriamento..

Fonte : www.cotedivoiretourisme.ci